#OpiniãoOver: Quem foram os Overdrives neste 1º semestre de 2016? - Overdrivers
  • RSS feed
  • Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • Vimeo
 

#OpiniãoOver: Quem foram os Overdrives neste 1º semestre de 2016?

A cada seis meses, os Overdrivers Mariana Schittini, Rodrigo Pulga Joe, e Simone Blanche fazem um balanço do que rolou de mais Overdriver na cultura pop mundial. Com vocês: os melhores, ou os mais Overdrivers, desta primeira metade de 2016!

FILME OVERDRIVER:

Mariana Schittini : “Spotlight: Segredos Revelados”


É possível que o fato de eu viver do jornalismo tenha feito do filme de Tom McCarthy o meu queridinho do ano. Vale a pena conferir, não só pelo elenco sensacional, mas pelo belo retrato da história real de jornalistas que denunciaram casos de abuso sexual e pedofilia por membros da arquidiocese católica de Boston.

Rodrigo Pulga Joe: “O Regresso”


Fui pego pelos planos de fotografia e o som; e quando vi o roteiro e o silêncio de Di Caprio para interpretar toda aquela ânsia que o personagem dele passou, parecia que eu fazia parte daquele todo. O ataque de urso também é impressionantemente real. Achei profundo, tenso e original.

Simone Blanche: “O Quarto de Jack”


Vale a pena deixar um pouco de lado as mazelas do nosso mundinho e assistir um filme que nos faz enxergar a beleza nas pequenas coisas.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

SÉRIE OVERDRIVER:

Mariana Schittini : “Making a Murderer”


Sou suspeita. Amo documentários e tudo mais que é baseado em histórias reais. “Making a Murderer”, da Netflix, que conta a história de Steven Avery – um norte americano que passou 18 anos preso por um crime que não cometeu -, é do tipo que prende o espectador do início ao fim, o deixando num misto de curiosidade e indignação.

Rodrigo Pulga Joe: “Vinyl”


É claro, que uma série com um público tão segmentado ia ser cancelada. O problema é que nós todos, Overdrivers, somos este público!!! Mesmo assim, a série de Mick Jagger e Martin Scorsese, para a HBO, fez uma ótima homenagem aos vários tipos de “rock” e às quase extintas gravadoras, com personagens que vivem clones reais dos astros que amamos, e fecha bem a sua única temporada. A trilha que rola também é imperdível!

Simone Blanche: “The Leftovers” – 2ª temporada


A segunda temporada de “The Leftovers” foi tão boa que a série poderia até terminar por aqui, mas ganhamos um bis e em 2017 teremos a season finale da série.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

ÁLBUM OVERDRIVER:

Mariana Schittini : Rob Zombie – The Electric Warlock Acid Witch Satanic Orgy Celebration Dispenser

RobZombieElectricWarlockHá quem diga que “The Electric Warlock Acid Witch Satanic Orgy Celebration Dispenser” é mais do mesmo, Rob Zombie sendo Rob Zombie. E é exatamente isso que me fez amar o álbum que combina riffs pesados, com elementos eletrônicos no mesmo estilo industrial característico do músico desde o White Zombie. Pra quem gosta, é um prato cheio.

Rodrigo Pulga Joe: The Last Shadow Puppets – Everything You’ve Come To Expect

last-shadow-puppets-everything-youve-come-to-expect-capaSó passei a gostar de Artic Monkeys nos seus 2 últimos álbuns, e vi no The Last Shadow Puppets, um cross deste som, com uma atmosfera punk e muita orquestra, em músicas heterogêneas e ao mesmo tempo com unidade. É um clarão de confusão e sobriedade ao já tão batido “indie“. E é pra dançar! O líder do The Rascals, divide as canções com Alex Turner, do Artic Monkeys. Pare pra ouvir!

Simone Blanche: Garbage – Strange Little Birds

516zCEylgWL._SY300_A banda Garbage foi formada há mais de 20 anos, mas continua extremamente criativa. “Strange Little Birds” tem letras excelentes e uma puta produção.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

MÚSICA OVERDRIVER:

Mariana Schittini : “Johnny Cash” do Kid Rock


Tenho que confessar que o último disco do Kid Rock, “First Kiss”, me fez titubear na escolha de Álbum Overdriver. Mas como o coração bateu mais forte pelo Rob Zombie naquela categoria, vou compensar para o lado do Mister Robert James Ritchie escolhendo a faixa “Johnny Cash” como Música Overdriver. Mais imerso do que nunca na sonoridade southern, o músico caprichou nesta canção!

Rodrigo Pulga Joe: “Aviation” do The Last Shadow Puppets


Tá aí o exemplo de modernidade que abre o álbum “Everything You’ve Come To Expect”. Que trabalho de mapa, levada, harmonas, vozes, backings, e bom gosto de arranjos orquestrados que esse som tem!

Simone Blanche: “Bad Habits” do The Last Shadow Puppets


O primeiro semestre de 2016 não teve muito Overdrive nos lançamentos, mas algumas boas músicas foram lançadas. Para mim “Bad Habits”, do The Last Shadow Puppets, foi a melhor.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

ROLÊ OVERDRIVER:

Mariana Schittini : Johnnie Wash (SP)

johnniewash-overdriversNão variei muito os meus rolês no primeiro semestre de 2016, confesso. Mas o Johnnie Wash – bar montado em uma oficina de motos na Vila Olímpia (São Paulo), foi uma grata surpresa. Ambiente agradável (apesar do forte cheiro de óleo) e bonito, com espaço para música ao vivo e público variado. Eu gostei!

Rodrigo Pulga Joe : Pitico (SP)

overdrivers-piticoUm estacionamento antigo com muitas cadeiras de praia, paletes como mesas, contêineres, e grama. Galera descolada, arte urbana, breja Heineken, kebabs e Aperol! Muito Aperol! Tudo isto no meio do Baixo Pinheiros. Uma quase praia no meio desta selva de pedra. Que vibe!

Simone Blanche: Show do AC/DC com Axl Rose de vocal

acdc-axlrose-overdriversEu ainda não fiz esse rolê, mas sei que levaria uns 2 dias para me recuperar. Assistir um show do AC/DC com Axl Rose é sem dúvida a melhor balada do primeiro semestre de 2016.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

PERSONALIDADE OVERDRIVER:

Mariana Schittini : Barack Obama

overdrivers-obamaBarack Obama tornou o impensável, realidade, ao reatar o contato diplomático entre Washington e Havana, e ser o primeiro presidente americano a pisar em Cuba depois de quase 90 anos. Em tempos de extrema intolerância no mundo, e independente de quaisquer posicionamentos políticos, esse foi um passo importante para a tão sonhada Paz Mundial (Imagine all the people living life in peace). E vindo de um presidente americano que ganhou o Nobel da Paz por sua ação pró-desarmamento nuclear, a atitude passa a ser ainda mais louvável!

Rodrigo Pulga Joe e Simone Blanche : Papa Francisco

overdrivers-papa-franciscoRPJ: O Papa é pop, argentino e moderno, minha gente! E está quebrando os paradigmas engessados da Igreja Católica. Num mundo, onde a voz do Vaticano, politicamente ainda tem muito poder, este Papa é a voz mais forte e singela pra lutar contra a intolerância. Tudo isso com muito amor e ponderação!

SB: O Papa já foi “POP”, mas o Francisco é PUNK (no melhor sentido da palavra)! Ele participa de alguns dos debates mais importantes da atualidade e já falou que a igreja deveria pedir desculpas aos homossexuais. Também se demonstrou disposto a dar um papel maior às mulheres na igreja, dialogou com muçulmanos, pediu perdão a protestantes, defendeu justiça social, pediu aceitação de divorciados …
e fez isso aqui:

É isto, Overs! Continuem com a gente!

Comments

comments

 

About Rodrigo Pulga Joe

Cantor, compositor, entertainer e diretor de arte. Um devorador de filmes, séries, shows, músicas e baladas. Ah! Desce mais uma dose de cultura pop, please! Álbuns - Pulga Joe: www.youtube.com/pulgajoe View all posts by Rodrigo Pulga Joe
 

CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA OVERDRIVERS NO FACEBOOK

publicidade