#OpiniãoOver: Por que o AC/DC não chama o Udo ex-Accept? - Overdrivers
  • RSS feed
  • Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • Vimeo
 

#OpiniãoOver: Por que o AC/DC não chama o Udo ex-Accept?

Nas últimas semanas temos ouvido sem parar o (já não tão) boato de que Axl Rose pode mesmo substituir Brian Johnson no vocal do AC/DC. Fritei minha cabeça para pensar em quem poderia fazer este “freela” melhor do que o vocalista do Guns N’Roses e não tive nenhuma ideia genial. Afinal, ainda estou traumatizado com a apresentação de Axl como “Pica Pau das Cataratas”, desafinando e muito louco no Rock in Rio.

Não será a primeira vez que o AC/DC terá que se esforçar para substituir o responsável por todo o verbal no palco. No início dos anos 80, o vocalista Bon Scott (na minha opinião, o melhor que a banda já teve) faleceu após consumir uma grande quantidade de álcool. Porém, eles surgiram com a surpresa Brian Johnson e o álbum de rock mais vendido de todos os tempos, Back in Black. Para colocar o Axl, ou um desconhecido, eles teriam que chegar com algo extremamente novo, que encantasse fãs novos e antigos, com riffs e músicas geniais. E vamos combinar que Malcolm Young (guitarra base), sempre responsável por ótimas composições, também está fora com problemas de demência. Não seria melhor então parar? E beber da fonte da eternidade no Hall da Fama do Rock and Roll? A contribuição do AC/DC, sem se transformar num “Frankenstein” remendado do rock, já está ótima até aqui. E olha que quem me conhece, sabe que eu gosto de novidades, hein? Mas neste caso…

Foi então que, no último fim de semana, ao sair para fazer um show acústico com o meu parceiro Alex Zambrana, ele me falou:
– Cara, porque o AC/DC não chamou o Udo que era do Accept? É o mesmo timbre!
E foi aí que eu pensei:
– Será que só o Alex que teve esta ideia genial?

Pois é! Na semana passada tivemos o concurso cultural para nossos seguidores Overdrivers conhecerem os caras do Accept, e eu, como fã da primeira fase da banda, acabei por ouvir bastante os primeiros álbuns e eles me trouxeram a certeza de que o que o Zambrana me disse estava certo. Minha campanha é Udo no AC/DC já! E se Axl for mesmo ficar, e não eu queimar minha língua overdriver, que saia pelo impeachment (afinal, está na moda, não é mesmo?). Claro que teríamos que descontar o fato de que todos estes imortais sobreviventes do rock, em geral, já cachaçaram mais que o Vampeta. Mas pelo menos, apesar de Udo ser do metal, e o AC/DC o mais puro Rock and Roll “4X4”, daria um bom caldo – que fique claro que, antes de sugerir, fui verificar as últimas apresentações do cantor alemão. Ele só não se move muito, mas o timbre, com o desconto da idade, está lá. E seria bem menos plástico do que colocar o Axl.

E vocês, amigos Overdrivers? O que acham do Udo Dirkschneider no AC/DC? Vocês tem outra sugestão? Vejam se o Udo, ao ser comparado com o timbre de Brian Johnson, não tem a mesma região de voz. Abaixo um exemplo de um versus o outro, em outros tempos, mas em duas músicas que eu adoro.

 

Comments

comments

 

About Rodrigo Pulga Joe

Cantor, compositor, entertainer e diretor de arte. Um devorador de filmes, séries, shows, músicas e baladas. Ah! Desce mais uma dose de cultura pop, please! Álbuns - Pulga Joe: www.youtube.com/pulgajoe View all posts by Rodrigo Pulga Joe
 

CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA OVERDRIVERS NO FACEBOOK

publicidade